Home Top Ad

Responsive Ads Here

2018 em 18 pontos

Share:

O mesmo bom e velho Douglas Joker, fazendo um review dos pontos principais do ano, em minha humilde opinião. Sinceramente, pessoal? Dá mó preguiça escrever isso, então vou fazer explicações bem breves. Engloba as coisas que costumamos discutir: filmes, quadrinhos, música e assuntos gerais. Sinto muito não escrever nada de videogame, mas... vida de adulto, cara, não rola jogar videogame até eu me aposentar (HA!), do jeito que a coisa anda.



18.Três Anúncios Para um Crime

Pra mim, melhor filme do ano.


17.O Destino de Uma Nação

Tava aguardando bastante. Excelente desempenho do Gary Oldman. E finalmente ele recebeu um merecido Oscar, apesar de eu não acompanhar a apresentação, mas sou muito fã do ator e fiquei feliz por sua conquista.

https://ozymandiasrealista.blogspot.com/2018/01/opiniao-rapida-o-destino-de-uma-nacao.html



16.Nos Vemos No Paraíso

Filme francês que eu vi em um cinema diferentão aqui da minha cidade. Muito bom, recomendo.

15.Eu, Tonya

Mais um filme excelente, recomendo tranquilamente também.

14.A Forma da Água

Não gostei do filme, mas como simpatizo muito com o del Toro, fiquei bem feliz dele ter tirado dois Oscar dessa, e ainda ter recebido um monte de indicações também. Vi nada demais no filme, acredito que ele ganhou por ser mexicano, levando em conta a crise de imigração que estamos vivendo, mas pelo menos agora ele vai ter moral pra fazer o que quiser por um bom tempo; o que infelizmente ele não teve quando quis fazer o último Hellboy...

https://ozymandiasrealista.blogspot.com/2018/02/guillermo-del-toro-e-seu-amor-pelo.html



13.Pega a vontade de ver o Hellboy 3 e enfia no rabo

O del Toro há pouco tempo atrás ainda tava insistindo de tentar convencer os estúdios a gravarem a terceira parte, mas esse ano saiu até imagem, trailer e o caralho do reboot. Isso porque são as histórias que nas HQs se passam logo depois do que o del Toro já contou. Bem... Paciência.


12.Missão Impossível

Nem acompanho Missão Impossível, mas vi esse e gostei bastante.


11.Coleção Thor Walt Simonson

Enfim, depois de tanto tempo, foi republicada toda a fase do cara em três volumes grossões. Eu fiz análise aqui. Um tempo depois saiu Capitão América do Mark Waid. Eu até tinha curiosidade de conhecer, mas paciência, esse não rolou, quase não deu tempo de ler o do Thor.

10.Vicious do Halestorm

O novo álbum não é perfeito, mas vale a pena conferir, tem muitos pontos fortes. Recomendo a faixa-título e também: Unconfortable, Buzz, Skulls e Conflicted. Eu ainda tenho que fazer um mega post dessa banda, ela é muito foda. Pra mim que gosto de metal, das bandas que tão lançando material novo atualmente, eles são os segundos melhores, perdendo apenas pro Accept, da Alemanha, Identidade, criatividade e qualidade já no terceiro lançamento que acompanho.



9.Year of the Tiger, do Myles Kennedy

Continuando na música, grata surpresa. Kennedy cantava na banda "solo" do Slash, The Conspirators. Ele me lança um álbum solo e é ótimo!!! Foi até considerado um dos melhores álbuns de rock do ano, pela mídia especializada! Vale a pena conferir!!



8.Bohemian Rhapsody

Uma puta experiência assistir esse filme, muito bom viver a história do Queen, mesmo que com algumas alterações. Demorou pra sair, mas valeu a pena.


7.Brasileiros sendo capazes de eleger pessoas cada vez piores

Buraco sem fim. O candidato Jair Bolsonaro conseguiu se tornar presidente com a ajuda de 58 milhões de zumbis, pra quem até um estuprador é bem vindo, contanto que ele idolatre o Mestre dos Zumbis e fale mal do PT.


Um cara que diz que usa o dinheiro público pra comer gente, não consegue responder duas perguntas de seminarista (isso porque seus zumbis adoram falar que a Dilma e o Lula eram burros, até analfabetos), pede pro astrólogo mais biruta do planeta ser ministro da EDUCAÇÃO, diz que o Ensino Fundamental em escolas públicas tinha que ser em EAD (isso porque ele e os zumbis dizem que o Paulo Freire é um comunista retardado), quer juntar ministério da agricultura com do meio ambiente, quer matar os fiscais do IBAMA e diz que o Estado não tem que fornecer remédios pra Aids porque o remédio é caro e a maioria de quem pega é gay, e ele prefere que os gays morram lentamente porque odeia eles. E os outros candidatos? Bem, o Lula tava preso, a Dilma sofreu um impeachment, mas só falavam deles. Os zumbis grunhiam que se Haddad (potencial genocida), Marina (inútil), Ciro Gomes (escravagista), Guilherme Boulos (vai invadir sua casa se ganhar), Geraldo Alckmin (esquerdista), Amoedo (não é bom o bastante) ganhassem, o Brasil se tornaria uma ditadura comunista miserável, onde teríamos que comer nossos próprios cachorros. O negócio é ir embora dessa droga quem puder, eu não vejo futuro para esse lugar.

"Esse dinheiro do auxílio moradia eu usava pra comer gente. Você tá satisfeita com a resposta? Você tá satisfeita com a resposta? É a resposta que você merece." Mestre dos Zumbis, presidente oficial do Brasil


6.Despedida de um mito da Marvel

Nada menos que Steve Ditko, o misterioso criador do Homem-Aranha e do Doutor Estranho nos deixou sem que soubéssemos as condições da vida que levava, sendo o homem mil vezes mais recluso que o Alan Moore
5.Morte de um dos maiores mitos

Stephen Hawking, físico e cosmólogo, mesmo com a terrível incapacitação de uma doença que te impede literalmente de se mexer, ficando 100% dependente de máquinas e outras pessoas, superou em décadas a expectativa de vida passada pelos médicos (se foi com 76 anos), se tornou reconhecido como um dos homens mais inteligentes da Terra, sendo um dos maiores contribuidores pro aumento do nosso conhecimento, um expoente brilhante na divulgação científica. Tanto foi um grande homem, que vi uma série de tributos quando morreu onde nem sequer era citada sua deficiência, visto que seus feitos eram incríveis o bastante. Mas eu não consigo deixar passar meu fascínio de um homem 99,99% incapacitado ter conquistado tanto, me admira demais. Dá pra aproveitar a marcante morte do homem e pegar seus livros, que ficaram bem acessíveis.


4.A Balada de Buster Scruggs

Último filme dos Irmãos Coen, western dividido em 6 atos que saiu direto pro Netflix. Não é perfeito mas tem muita coisa boa, vale a pena conferir. Juro que os dois primeiros atos devem ter deixado o Quentin Tarantino se mordendo de inveja.


3.Original Pipoca&Nanquim

A nova editora de quadrinhos brasileira, Pipoca&Nanquim, tinha surgido em 2017 a partir de um canal do Youtube. E chegaram quebrando tudo. Fizeram muito sucesso, seus lançamentos ficavam entre os mais vendidos da Amazon e receberam vários prêmios importantes. Esse ano perderam NADA de energia, lançaram ainda mais quadrinhos do que no ano passado e ainda anunciaram que pra 2019 tudo indica que vão se superar de novo! Esse ano eles trouxeram pro público brasileira Marada: A Mulher Lobo (de Chris Claremont e John Bolton), Contos de Areia (adaptação de um roteiro para um filme nunca produzido de Jim Henson), Um Pedaço de Madeira e Aço (de Chabouté), A Arte de Charlie Chan Hock Chye, Blood: Uma História de Sangue (história de vampiro do DeMatteis), sequência de Conan: O Bárbaro (livro, e não HQ), O Anel do Nibelungo (adaptação em HQ de uma ópera épica), Cinco Por Infinito (space opera clássico de Esteban Maroto), Beowulf (adaptação da poesia antiga) e O Relatório Brodeck (adaptação de uma história real da época do nazismo).


Uma novidade que eles anunciaram em dezembro foi que em 2019 chega... um novo selo! O original Pipoca&Nanquim, focado em publicar autores nacionais. Os editores estão garantindo que serão trabalhos tão bons quanto os que eles vêm trazendo de fora...


2.Infiltrado na Klan

O Spike Lee pode ser um diretor monotemático, meio que só fala da cultura negra. Mas vejo que a razão disso é o foco com essa causa, pois falta de capacidade o homem não tem. "Infiltrado na Klan" chega no fim do ano com MUITA coragem e pertinência, narrando uma história de infiltração policial no bizarro grupo terrorista racista dos Estados Unidos, o Ku Klux Klan (do qual já participaram o atual presidente e seu pai). Digo corajoso porque ele esfrega a cara do diretor daquela merda no filme, Lee vai ter sempre meu respeito. E veja só, seguidores do Bolsonaro que vinham me dizer que "você precisa entender que o racismo foi inventado pela esquerda para, caso você esteja em uma dessas passeatas e discordar do que diz uma pessoa negra, ela pode te acusar de ser racista só porque discorda dela", postaram aqui que o filme o trouxe "a tona UM MAL VERDADEIRO, que antes eu só via como uma piada de humor negro em filmes e gibis: a Klun Klux Klan, funcionando, na “normalidade” até os dias de hoje."   É, homens adultos, descobrindo em 2018 que a Ku Klux Klan é um mal verdadeiro. Me pergunto se já descobriram que o racismo existe ou ainda é uma invenção da Esquerda pra transformar o Brasil em uma ditadura comunista miserável onde teríamos que comer nossos cachorros...



1.Morte do Stan Lee, mais um grande mito da Marvel

Sua perda foi sentida por pessoas do mundo inteiro de várias gerações. Além do carinho pelo carisma desse gênio visionário, todo mundo é muito agradecido por ele ter sido um dos principais contribuidores para a criação e solidificação do Universo Marvel. Eu o vejo como o Walt Disney, mas mil vezes mais legal, hehehe. Acredito que jamais será esquecido, a não ser que a cultura da Terra mude completamente, mas acho que isso nem é possível.

https://ozymandiasrealista.blogspot.com/2018/11/eu-e-stan-lee-homenagem-stan-lee-parte.html


Bem, galera, esse ano minha contribuição teve que ser bem menor do que em outros anos, por causa de mudanças na minha vida pessoal. Tanto que a maior parte desses assuntos que coloquei aqui, eu nem comentei aqui em posts específicos. Houve uma época em que além de uma revisão do ano anterior, eu já fazia várias promessas pro próximo, mas não posso garantir nada, pessoal. Agradeço aos que acompanham, comentam e compartilham. Por mais que eu goste de escrever, estou ficando cansado, então não dou nenhuma garantia dos próximos passos, vamos aguardar e ver o que tempo traz. Abraço e boa sorte em 2019...

Nenhum comentário