MARVEL ULTIMATE ALLIANCE 3 – Mas, calma... - OZYMANDIAS_REALISTA...

Breaking

Ano IV! Quadrinhos, cinema, opinião, downloads, xadrez e mais 200 coisas.

sexta-feira, 7 de dezembro de 2018

MARVEL ULTIMATE ALLIANCE 3 – Mas, calma...




F
oi lançado ontem, o trailer de uma terceira parte dessa franquia, ao qual já havíamos desistido de que existiria. O primeiro game, lançado na década passada, apesar de gráficos a desejar, e mecânica de lutas até inferior a hits da época como God of War, era na época o ápice dos marvelmaníacos, em uma época onde nem tantos filmes haviam sido feitos. E passado tantos anos, ainda é o jogo que melhor representa o universo Marvel como um todo, de Asgard ao planeta natal de Galactus.

Sim! É possível adaptar com fidelidade o Galactus!!!

E o Doutor Destino!

A trama era básica, mas funcional: Doutor Destino, de algum modo consegue usurpar o poder de Odin, tendo como resposta a esse desequilíbrio, uma “aliança suprema” coordenada por Nick Fury (aqui, a versão tradicional), a cena que abre a partida, até hoje me empolga:


Além da forma que o Doutor Destino lida com ataques opositores:



Ou Loki iniciando uma rebelião:



O que faz pensar, em por quê não lançaram um filme estilo Final Fantasy de uma vez... O segundo jogo, tive pouco contato. As animações foram inferiores, a mecânica de batalha mais repetitiva, e os adversários comuns, pouco criativos, e estávamos falando de uma pretensa adaptação da mega saga “Guerra Civil”, onde confrontos grandiosos e bem elaborados, tanto física, como intelectualmente era o que não faltava.



Agora vem a terceira parte, exclusiva da Nitendo. É um jogo de nicho, é um fato, ficando muito distante de algum jogo novo do Aranha, Batman, Injustice, ou Marvel VS Capcom. Mas, ainda é revoltante a maneira como “recortam” a Marvel, de forma a se acreditar que todo uma construção tão rica e extensa de personagens, são meia dúzias de franquias, SEMPRE EXCLUINDO O QUARTETO FANTÁSTICO.



Parece até propaganda de farmácia, quando um cara vai comprar um medicamento, e o atendente não tendo ele, te oferece um genérico. Não desmerecendo Guardiões, mas eles ainda tem que “comer muito feijão” pra ser um QF. Passada a mágoa – que vive sendo alimentada nesses últimos anos -, olha ai o trailer (e claro, Wolverine, na cabeça deles, é mais um Vingador do que um X-Man):


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar este blog