Home Top Ad

Responsive Ads Here

Contagem regressiva pro novo álbum do Rammstein

Share:
Gravação do novo clipe. Flake no volante!!!

"Quem espera com prudência... Será recompensado no momento certo... Bem, a espera acabou... Empreste os ouvidos para uma lenda...!"

O novo álbum do Rammstein, acompanhado de cinco clipes, já é uma realidade confirmada para esse ano, há até fotos no Instagram dos caras nos sets de gravação dos clipes. O que torna a espera muito otimista é que todos os álbuns deles são excelentes e faz dez anos desde o último (Liebe ist fur alle da, 2009), então eles devem ter guardado muita coisa boa nessa última década de composição sem liberar nada. Imagino que o que seria legal mesmo seria ir fazendo posts separados pra cada música, dando mais atenção a elas, anotando curiosidades e reflexões. Mas iiiiiiiiiiiiinfelizmente eu sei que não ia dar tempo de jeito algum, então foi melhor fazer todas de uma vez, espero que vocês gostem da mesma forma.



10.Rammlied



Eles têm várias músicas autorreferentes, mas essa é uma das mais legais. Abria o último álbum deles narrando um retorno mítico e triunfal. Sem dúvidas é uma entrada sem igual, eles poderiam reproduzir pra sempre nas aberturas dos shows que acho que não ia perder a graça (mas eles têm sempre novas ideias boas, então meio que seria um desperdício).

"Quem espera com prudência...
Será recompensado no momento certo
Bem, a espera acabou...
Empreste seus ouvidos a uma lenda.

Ramm-Stein!

Alguns levam, alguns seguem
Coração e alma, de mãos dadas
Avante, avante, não pare!
Sentido e forma, obtenha entendimento.
Quando a alegria entristece, sem estrelas na noite.

Você está abandonado e sozinho?
Nós estamos aqui, sintonize...

Ramm-Stein!

Alguns levam, alguns seguem
Cara de mal, jogo bom.

Devore e seja devorado,
Nós tomamos pouco, damos muito.

Se você não sabe uma resposta
O que é certo é certo
Você está triste e sozinho?
Estamos de volta, sintonize...

Ramm-Stein!

Um caminho!!!
Um objetivo!!!
Um motivo!!!

Ramm-Stein!

Uma direção!!!
Um sentimento!!!
De carne e osso,
Um coletivo!"



9.Ich tu dir weh

Essa também é do último álbum, e é uma das melhores músicas deles. Deixo como exemplo de como os últimos trabalhos dos caras foram excelentes, portanto faz sentido deixar as expectativas lá em cima. Os anos passam, as pessoas se tornam mais liberais (na verdade é um movimento curioso, onde muito se exige que seja liberado, enquanto com outras coisas há mais conservadorismo, e isso pode ser visto tanto em galerinhas com cabeça de "esquerda", quanto nas de "direita"), mas o Rammstein está sempre um passo a frente e é "forte demais", hehe. Eles foram proibidos de tocar essa música em alguns shows na época, tiveram que mudar a letra pra tocar em outros. Isso porque era uma das mais famosas que tinham lançado...



8.Buck Dich

Além de ser sonoramente uma das mais pesadas, representa também a falta de limites da banda, sendo ao máximo vulgares e desagradáveis. E no palco eles não passam o pano em nada. Essa ficou famosa porque ao vivo o vocalista simulava estar comendo o cú do tecladista com um pênis falso. Quer dizer, não falta em papinho de adolescentes metaleiros eles sussurrando meio assustados "ae, você já viu aquele vídeo do Rammstein que o vocalista começa a comer um cara no palco? /o\".



7.Engel

Graças ao vocalista, o niilismo é uma característica onipresente nas letras da banda. Seria bobagem negar que eles são apelativos, nojentos, exagerados e estúpidos constantemente, mas muito do que eles fazem é curioso e às vezes até fascinante. A falta de sensibilidade é parcialmente explicada pelo vocalista que afirma ser tão ateu quanto é possível. O bom é que não deixa de ter poesia! A música mostra de uma forma meio erótica anjinhas dizendo que ser um anjo é um saco, porque tem nada pra fazer. Em uma cultura cristã é difícil não sentir um choque com o refrão "Deus sabe que eu não quero ser um anjo!"


"Quem durante o tempo de vida é bom
Irá, quando morrer, se tornar um anjo
Uma olhada para o céu e se pergunta
Por que não se pode vê-los?

Antes, quando os povos iam dormir
Podiam nos ver no céu
Nós temos angústia e estamos sós

E Deus sabe que não quero ser anjo algum

Eles vivem entre raios de sol
Diferenciam-se de nós enormemente
Eles devem se segurar nas estrelas (Com grande firmeza)
Para que eles não caiam do céu

Antes, quando os povos iam dormir
Podiam nos ver no céu
Nós temos angústia e estamos sós

E Deus sabe que não quero ser anjo algum"




6.Amerika

"We're all living in Amerika! Coca cola, sometimes war!"


Ironia nunca havia sido tão bem registrada! É uma sátira ao fenômeno de americanização, onde diferentes culturas do mundo vão sendo anuladas conforme incorporam a dos Estados Unidos. O bacana é como o clipe é tão bom, que mesmo sem entender a letra alemã você consegue pegar a ideia pelo vídeo. Bacana que foi por aqui que tudo começou comigo. Eu simplesmente vi nos vídeos relacionados uma música que se chamava America, mas escrito com "k". E eu achei curioso e UNICAMENTE POR ISSO resolvi assistir. Foi paixão à primeira vista, depois disso tudo mudou. E eu sou um cara que não se esforça muito pra acompanhar entretenimento, como aquele povo que vê 10 temporadas de Agents of S.H.I.E.L.D. pela promessa de que vai começar a ficar bom.



Se não fosse uma música que eu curtisse tanto, nunca que ia ter paciência pra acompanhar uma banda que canta em alemão, no início eu não conseguia nem gravar o nome das músicas que eu gostava pra poder ouvir de novo. Hoje até estudei alemão pra poder cantar pelo menos os refrões quando fui no show (o que orgulhosamente consegui fazer, hehe).




5.Moskau



Politicamente correto?! Aqui isso passa loooooooooooonge!!! Rammstein falando de Moscou é... perfeito.

"Ela tira as roupas, mas apenas por dinheiro!
A cidade que me mantém em suspense!
Moscou! Um, dois três!
Moscou! Olhe ali!
Pioneiros estão andando por aí, cantando músicas para Lenin!"





4.Los

Essa também é ótima por ser autorreferente. Não tem como ouvir sem ter a sensação de como se trata de uma banda fodona. A forma que eles narram como eram desprezados e censurados, até começarem a esgotar ingressos pra shows em tempo recorde... Presentão pra qualquer fã. Essa versão é vazada, ela não foi colocada no álbum, tem mais instrumentos e o refrão. Não coloco a letra aqui, porque no vídeo acima, feito pelo canal do Richard Orwell (que faz um excelente trabalho sobre a banda pro público brasileiro) o cara já legendou. Vale a pena conferir.




3.Halfisch

Vale a pena assistir o clipe dessa, também do último álbum, onde há o enterro do vocalista Till Lindemann, e os integrantes da banda começam a imaginar qual deles pode ter matado o cantor, relembrando eventos que passaram juntos nos outros clipes antigos da banda! Como também é autorreferente, deixei esse vídeo dela sendo tocada ao vivo, pois têm as legendas, então você pode ouvir acompanhando a letra. O refrão se inspira levemente em Mack, The Knife, uma música bem antiga. Como quase tudo que eles fazem, mesmo que você não entenda, fica no mínimo intrigado.




2.Let's Go

Essa música saiu no último álbum do Emigrate, banda solo do guitarrista principal do Rammstein, o Richard Kruspe. Eu não curto os trabalhos do Emigrate, mas essa letra é interessante por ter partes em inglês e em alemão, e envolver vocal do Till Lindemann, de forma que os dois falam sobre sua amizade e sua trajetória juntos. Não é tão legal quanto as outras músicas da contagem regressiva, mas achei interessante colocar já que após dez anos os dois enfim voltaram pra trabalhar em coisas novas com sua cria principal...

"Eu me peguei escorregando no fundo do poço
Eu sou tão impossível e você sabia
Tudo que eu descartei
Deixou minhas mãos pretas e tristes

Você não precisa me dizer nada

Eu te entendo pelo visual
Dois corações me bateram
Um é seu e um é meu

Vamos para outro dia

Acenda, hora de uma lembrança
Siga em frente (Siga em frente) é o que costumávamos dizer
Fique aqui, sobreviva outro dia

Lembra de onde começamos?

Por trás dos olhos quebrou algo novo
Algo grande e doce e podre
Mas acima de tudo algo verdadeiro

(Ooh é) alguns nunca vão ver

(Ooh é) apenas mais um dia"




1.Praise Abort

Nenhum suspiro mais puro em meio ao politicamente correto do que a estreia do trabalho solo de Till Lindemann em 2015 com o clipe de PRAISE ABORT! Em tempos que um assunto tão tabu é discutido com tanta seriedade, chega o cara chutando o pau da barraca com a música sobre um cara que tem seis filhos e fica puto de ter que cuidar deles e gastar todo o dinheiro. Tipo... ele não tá nem aí! É torcer pra que essa postura de indiferença com todo o movimento anti-criatividade dos pós-modernos se mantenha no novo álbum do Rammstein! Com sorte se manterá!

"Eu odeio a minha vida!
E eu odeio você!
Eu odeio minha esposa
E o namorado dela também...

Eu odeio odiar e eu odeio que

Eu odeio tanto mim mesmo!
Eu odeio meus filhos! Nunca imaginei... que
Eu louvaria o aborto!"





0! Pussy

A inesquecível, o refrão tão viciante, hahaha. O bom é que é em inglês, então dá pra cantar até não aguentar mais, com as outras é mais difícil, haha.



E é isso aí, pessoal. Vamos esperar por... o quê?! Nunca dá pra imaginar o que eles vão fazer! Eles são muito loucos, estão sempre surpreendendo! É como se os vilões do Batman tivessem uma banda de metal! Como se seis Alice Cooper se unissem pra tocar em um único grupo! Não dá pra saber o que esperar! Só podemos segurar no que estiver mais perto e aguardar a explosão.

Nenhum comentário