Mega Post - Thor, o Deus do Trovão (Marvel NOW) - OZYMANDIAS_REALISTA...

Breaking

Ano IV! Quadrinhos, cinema, opinião, downloads, xadrez e mais 200 coisas.

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Mega Post - Thor, o Deus do Trovão (Marvel NOW)




Li Thor – O Deus do Trovão #1-5, do encadernado Thor – God of Thunder: The God Butcher, com roteiro de Jason Aaron e desenhos de Esad Ribic, e farei breves comentários sobre as edições.

Veja também uma outra perspectiva dessas edições, feitas por Douglas Joker:
https://ozymandiasrealista.blogspot.com.br/2017/12/colecao-thor-de-jason-aaron.html


Edição #1: 893 D.C. na Islândia, um jovem e valente Thor celebra mais uma vitória quando encontra o corpo de um deus. Hoje, no tempo presente, Thor, Vingador e Príncipe de Asgard atende as preces de uma garota cujo planeta não possui deuses. Ao investigar o que aconteceu, encontra todas as divindades mortas. Milênios no futuro, o velho Thor, Rei de Asgard é o último deus do Reino Dourado e ainda luta por sua vida contra Gorr, o Carniceiro dos Deuses.

Edição #2: Séculos atrás, um jovem Thor escapa por pouco com vida de seu primeiro embate com Gorr, o Carniceiro dos Deuses. Hoje, o Deus do Trovão derrota um dos servos de Gorr e percebe que precisa de mais respostas, partindo para a Cidade da Onipotência, a capital dos deuses.

Edição #3: No presente, Thor recorre ao Bibliotecário em busca de informações sobre deuses desaparecidos ou mortos e se surpreende. Foi preciso até mesmo pedir ajuda a seu amigo Vingador, Homem de Ferro para encontrar a caverna em que anos atrás, ele desafia Gorr de forma arrogante.

Edição #4: No presente, Thor segue o rastro de Gorr até Cronux, o Palácio do Infinito onde Gorr mata seus Deuses do Tempo, preservando apenas um. No futuro distante, o velho Rei Thor é derrotado, e à beira da morte é surpreendido com a chegada do Thor do presente.

Edição #5: Alquebrado e à um passo do colapso, o jovem Thor é socorrido por seus colegas vikings, que ensina uma lição que Gorr jamais esqueceu. No futuro, o Rei Thor e o Poderoso Thor do presente enfrentam o exército sombrio de Gorr.


Grande arco explorando o Deus do Trovão em três momentos de sua vida, enfrentando o mesmo inimigo. Além disso, outro recurso interessante usado por Jason Aaron foi desprover a história de qualquer outro personagem asgardiano conhecido, focalizando a trama exclusivamente no próprio Thor. Leitura recomendada.

Li Thor – O Deus do Trovão #6-11, do encadernado Thor – God of Thunder: Godbomb, com roteiro de Jason Aaron e desenhos de Butch Guice e Esad Ribic, e farei breves comentários sobre as edições.


Edição #6: A trágica origem de Gorr é revelada. Oriundo de uma raça supersticiosa e uma terra condenada,  Gorr conta sua história à Volstagg, prisioneiro do Carniceiro dos Deuses há séculos.

Edição #7: Cansado após milênios em batalha contra Gorr, a chegada do atual Poderoso Thor renovou as forças de seu eu do futuro, e os dois partem em busca do confronto definitivo contra Gorr.

Edição #8: O jovem Thor é prisioneiro no Mundo Profano de Gorr e, sem o saber, conhece suas futuras netas. Lá eles trabalham como escravos preparando a bomba divina que irá destruir todos os deuses. Quando o jovem Thor tenta destruir a bomba, acaba se deparando com os Thors que estavam à caminho do Mundo Negro de Gorr.

Edição #9: Príncipe Thor, Thor o Vingador e Rei Thor, todos unidos contra Gorr. Será essa aliança o suficiente para deter o Carniceiro de deuses?

Edição #10: Derrotados e separados, os Thors estão incapacitados de impedir que Gorr detone sua bomba divina. Mas nunca subestime o poder do trovão.

Edição #11: Gorr detona a bomba, e em todos os períodos, deuses começam a morrer. Será esse o fim de todos os deuses, incluindo os Thors?

Arco encerrando a trajetória de Gorr, o Carniceiro de Deuses e seu milenar confronto com Thor, o poderoso Deus do Trovão, uma saga de perdas e conquistas, glórias e desonras. Um dos pontos altos foi a trágica origem do vilão, conferindo-lhe uma motivação “plausível”. Leitura recomendada.



Li Thor – O Deus do Trovão #12-18, do encadernado Thor – God of Thunder: The Acursed, com roteiro de Jason Aaron e desenhos de Ron Garney e Nic Klein, e farei breves comentários sobre as edições.


Edição #12: Depois da longa batalha contra o Carniceiro de Deuses, é hora de Thor retomar velhos hábitos na Terra. Sua última parada, porém, lhe traz uma triste surpresa. Jane Foster está padecendo de uma doença cancerígena.

Edição #13: Na terra gélida de Niffleheim, um exército de elfos negros seguem determinados a enfrentar as temíveis aranhas de Hel para libertar seu senhor, Malekith. Em Asgárdia, Thor e seus amigos celebram o recém-eleito Senador do Congresso dos Mundos, Volstagg.

Edição #14: Malekith voltou e mais brutal do que nunca, chacinando seu próprio povo em Svartalfheim. A atual Rainha dos Elfos Negros, Aflyse e sua guarda pessoal, estão escondidos em Nidavelir, o mundo dos Anões. O Congresso dos Mundos autorizou uma retaliação à Malekith caso seja formado um grupo com guerreiros de vários reinos.

Edição #15: A Liga dos Reinos liderada por Thor e formada por um elfo luminoso, um anão, um gigante da montanha, um troll e uma elfa negra, falahm em sua primeira missão, mas são bem-sucedidos em ajudar os habitantes de Alfheim, o reino dos Elfos Luminosos.

Edição #16: Dias depois, a Liga dos Reinos chega a Jotunheim, terra dos Gigantes para impedir Malekith de exterminar os Elfos Negros que estavam exilados lá. Porém, os ecléticos guerreiros não podem atacar Malekith e nem adentrar as terras dos Gigantes de Gelo. Os sucessivos fracassos do grupo se agravam com a suspeita de um traidor entre eles.

Edição #17: Thor e Waziria, a elfa negra, chegam à Midgard e são surpreendidos por Malekith. A revelação do verdadeiro traidor só é sobrepujada pela aparição dos demais guerreiros da Liga dos Reinos.

Edição #18: No ano de 894 a.C., as vikings das Ilhas Faroé tem suas preces atendidas quando o jovem Thor derrota uma gigantesca fera do mar com seu machado Jarnbjorn. Porém, não foi exatamente isso o que aconteceu.

Uma aventura no estilo “fantasia e ficção” que lembra alguns aspectos do filme Senhor dos Anéis – A Sociedade do Anel, com muitas batalhas, humor e emoção. Jason Aaron explora muito bem as diferenças dos membros da Liga dos Reinos precisando agir unidos na mesma causa. Leitura recomendada.



Li Thor – O Deus do Trovão #19-25, do encadernado Thor – God of Thunder: The Last Days of Midgard, com roteiro de Jason Aaron e desenhos de Esad Ribic, e farei breves comentários sobre as edições.


Edição #19: A Agente Roz Solomon da SHIELD tem investigado e exposto empresas inescrupulosas que vem destruindo o planeta Terra, consumindo suas riquezas naturais e colocando em risco seu futuro. O Diretor-Executivo Dario Agger da Companhia Roxxon é o próximo na lista de Solomon.

Edição #20: Muitos milênios no futuro, o velho Thor ainda lamenta ver a Terra desolada e árida. A chegada de Galactus para saciar sua fome desperta no Rei de Asgard um sentimento adormecido. Hoje, a Agente Roz Solomon parece ter encontrado um aliado em sua luta para preservar a Terra – Thor, o Deus do Trovão.

Edição #21: Depois de derrubar algumas instalações da Roxxon, Thor vira o alvo principal de Dario Agger. No futuro longínquo, o velho Thor enfrenta sozinho o Devorador de Mundos. Depois de algumas fora auxiliando os Vingadores, Thor retorna à Midgard, e descobre que sua adorada cidade de Broxton foi totalmente tomada pela Roxxon.

Edição #22: Thor cai em uma armadilha da Roxxon que entra com uma ação de processo contra Odinson. Agora, o Deus do Trovão precisa manter distância de Broxton. No futuro, quando o destino da Terra era iminente, as Donzelas do Trovão, as netas de Thor, aparecem para o combate.

Edição #23: Thor retorna à Broxton, mas é recepcionado por Dario Agger em sua forma de Minotauro. E ele ainda tem o apoio de Ulik e seu exército de Trolls. No futuro distante, o Rei Thor se apodera da Necroespada que pertenceu a Gorr, o Carniceiro dos Deuses, em uma tentativa desesperada de acabar de vez com Galactus.



Edição #24: Depois do confronto avassalador entre Thor, o Minotauro e os Trolls, a cidade de Broxton fica em ruínas. Dario Agger se aproveita da situação e coloca a população contra os asgardianos. O Congresso dos Mundos chega a uma decisão – Asgárdia deve partir dos céus de Oklahoma.

Edição #25: Os deuses de Asgard retornam para os céus deixando dádivas de gratidão para o povo de Broxton. No futuro distante as netas de Thor tomam tempo para ler os Contos dos Elfos Negros.

O último volume dessa série traz a ameaça de Dario Agger e a Corporação Roxxon. Dessa vez, o escritor Jason Aaron coloca o Deus do Trovão frente a uma ameaça que vai além de sua força física e seus relâmpagos. Além disso, Aaron tem o mérito de dar um passo adiante na mitologia de Thor, levando Asgard para longe da Terra. Leitura recomendada.



Por Roger


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar este blog