Home Top Ad

Responsive Ads Here

QUEM É VOCÊ?

Share:

QUEM SOU EU? QUEM SOMOS NÓS?

A partir de hoje, começarei a escrever pro blog, sempre que possível, às vezes sobre luta, às vezes sobre HQS, mas... Em alguns poucos momentos, como hoje.
Bom, para começar, vou me apresentar, me chamo de SocramofKrypton, o próprio criador do blog (Ozymandias_Realista), foi quem me apelidou de Superman, talvez, seja daí que eu possa começar a falar. Quando criança e até mesmo boa parte da adolescência, eu conseguia ver o lado bom de cada pessoa e sempre tentava ajudar da melhor forma possível de forma que a pessoa se sentisse útil e especial. Como qualquer cara normal, tive felicidades, tristezas e grandes problemas, o que dificilmente era notado pelas outras pessoas, como dito antes. Eu sempre queria ajudar as pessoas... Sempre sobrepujei a felicidade das outras pessoas... Alguns de vocês (mais antigos no blog), já devem ter lido sobre a minha pessoa e como conheci o “OR”, ele fez uma publicação sobre isso, intitulada como “Um Soco no Ego”, já tentei ser a melhor versão de mim, para cada pessoa que me rodeava e com o tempo descobri que eu não era nem mesmo a melhor versão para mim. Lógico, que nem tudo era maravilha, machuquei muitas pessoas também, mas, sempre tentava me redimir, mesmo indiretamente.

Enfim, QUEM SOU EU HOJE?


Acho que sou a versão ruim, que sempre esteve reprimida, que sempre foi sufocada pelo fato de não ser autêntico. Sempre discuto com alguém, se acho que tenho razão, não me interessa mais a opinião dos outros. Penso quase que diariamente em acabar com a minha vida e não adianta tentar fingir que é diferente. Não consigo mais esconder esse meu lado. Lado que antes, eu escondia tão bem ao ponto de me acharem como “O Superman”, alguém forte e que sempre pensa nas outras pessoas antes de pensar nele mesmo. Não culpo ninguém pelos meus pensamentos. Mas, sinto falta de quando eu mesmo me imaginava como o Superman. Recentemente, fui em um psicólogo e para minha surpresa (só que não) ele disse que eu deveria tentar me aproximar mais das pessoas que importam pra mim, o prognóstico dele foi que eu sou uma pessoa depressiva e com tendências autodestrutivas, admito que saí bem triste do consultório. Mesmo sabendo que é verdade.
Porque estou falando tudo isso?
Não acho que vou mudar esses pensamentos (pelo menos, não agora), mas, gostaria de sentir um pouco mais de afinidade com a própria vida, ouvir outras pessoas e tentar conversar, basicamente, tentar ser quem eu já fui um dia. O que tudo isso quer dizer? Simples: Contei uma parte da minha história, se você leu até aqui. Quero saber uma parte da sua...
De forma superficial, gosto muito de artes marciais, jogos e séries... Por desencargo de consciência... Um dia... Esse da foto, fui eu!

Logo estarei escrevendo novamente, provavelmente sobre outro assunto, mas, queria que soubessem um pouco de mim.