smc

Pesquisar este blog

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

[TRANSCRIÇÃO]: 11 ÓTIMOS CONSELHOS PARA ENXADRISTAS


Bem pessoal, enquanto não finalizo alguns materiais, gostaria de passar adiante para o escasso público que acompanha xadrez aqui pelo blog. Até agora estamos em uma porcentagem muito pequena dedicada ao assunto, apenas 30 e poucos posts dedicados ao xadrez, o que é um número muito baixo, já que temos pouco mais que 600 posts publicados ao total. Por isso estou a procura de mais gente para escrever sobre xadrez por aqui. Caso tenha interesse, deixa uma mensagem nos comentários, agora fiquem com essa inspiradora transcrição:


Adaptado dos conselhos escritos por Yury Markushin
(Por Evandro Rodrigues)


11. Ganhar rios de dinheiro em torneios de xadrez não deve ser a principal motivação para jogar Xadrez – principalmente no Brasil;


10. Não pare de jogar após perder um jogo. Todos os jogadores, grandes e pequenos perderam jogos. É normal. Se eles tivessem parado, não haveria nenhum Fischer, Kasparov ou Carlsen. Perder um jogo de xadrez é um sinal de que você precisa de mais treinamento. Perder um jogo deve motivá-lo a trabalhar mais e a jogar melhor no próximo jogo. Se você pensar em uma perda a partir desta perspectiva, você terá sucesso;

Quem aqui tá nervoso?!


9. Administre seu alto nível de estresse depois de um jogo. Alguns jogadores são extremamente estressados antes e durante os jogos de xadrez. O estresse é um fator negativo e perturbador que não vai melhorar em nada seu xadrez. Para jogar xadrez em alto nível, você precisa parar de se preocupar com o resultado e se concentrar apenas em seu jogo. Se você joga em um torneio sério com a mesma tranquilidade que você joga uma partida amigável, você vai relaxar e seus resultados vão melhorar;



8. Não culpe outra pessoa por seus fracassos. A fim de melhorar no xadrez você precisa ser honesto consigo mesmo e assumir a total responsabilidade por suas ações (movimentos). Isso significa que se você perde um jogo, você não deve dizer algo como "isso é por causa do erro estúpido em tal movimento" ou "eu não consegui dormir o suficiente, por isso, não consegui me concentrar ", etc. Ao encontrar uma verdadeira causa para sua derrota, você se beneficiará muito mais do que se você chegar com uma desculpa comum. Você deve estudar mais sobre os pontos fortes e fracos do seu jogo;



7. Aceite seus próprios erros como ferramenta de aprendizagem. Claro que seria perfeito se pudéssemos aprender com os erros de outra pessoa. Infelizmente, não é assim que funciona no xadrez. Na maioria dos casos, precisamos realmente perder alguns jogos para melhorarmos nossas linhas de jogo. Use esta ferramenta de aprendizagem extremamente poderosa em vantagem própria;



6. Não coloque o xadrez como primeira prioridade em sua vida. Algumas pessoas se envolvem tanto com o xadrez que elas esquecem de tudo: trabalho, família, responsabilidades, saúde etc. Claro, é bom para a sua carreira de xadrez se concentrar apenas em xadrez. Mas tenha cuidado, você pode perder a motivação e passar a imagem de que o xadrez acabou com sua vida. A melhor estratégia é estudar xadrez em pequenas dosagens, por um longo período de tempo. Lembre-se que o xadrez é uma maratona, não um sprint;



5. Passar muito tempo acumulando conhecimento que você nunca usaria em um jogo real. É verdade que quanto mais você estuda, melhor fica seu jogo. E isso se aplica a tudo na vida. Mas a chave é estudar as coisas certas. Por exemplo, ler sobre a história do xadrez não vai ajudá-lo muito em seu próximo jogo. Memorizar todas as variantes da defesa siciliana não vai ajudá-lo a se tornar um melhor jogador de xadrez se o seu oponente só joga peão de dama. Se você apenas passar uma parte desse tempo resolvendo táticas, trabalhando em finais e analisar seus próprios jogos, você irá progredir muito mais rápido e todo o trabalho será recompensado rapidamente;

Ba-tum-tss...

4. Possuir uma coleção de livros de xadrez, mas nunca lê-los. O ponto positivo de ter livros de xadrez é que eles possuem um conhecimento que pode torná-lo um melhor jogador. Isso só é verdade com uma condição: você realmente precisa ler e estudá-los. Livros de xadrez não são bons se forem apenas para decorar a prateleira. Estudar xadrez através de um livro significa ler, pensar sobre as ideias apresentadas e passar as posições em um tabuleiro de xadrez. Muitas pessoas só lêem livros de xadrez, em vez de estudá-los, ignorando diagramas e notações. Pode ser bom do ponto de vista do entretenimento, mas faz pouco bem para o processo de formação;



3. Preocupar-se com rating mais do que o jogo em si. Alguns jogadores ficam mais preocupados em perder pontos de rating, do que sobre o jogo de xadrez em geral. O Rating tem a finalidade apenas de medir sua força. O Rating não deve ser o fator principal para você jogar torneios;

Esse Ozymandias parece que sempre quer uma desculpa pra colocar imagens do Lex Luthor em seus posts...


2. Atitude de quem sempre tem razão. Este é um tipo de atitude que irá impedi-lo de fazer progressos no xadrez ou retardá-lo significativamente. Para melhorar, você precisa ser autocrítico e admitir seus próprios erros. Se você perdeu por causa da abertura mal jogada, você deve analisar as linhas e fazer as correções correspondentes em seu repertório. Se você perdeu devido a alguma outra razão, trabalhe esse ponto, pois este é provavelmente o seu lado fraco no jogo xadrez;

Pensamento de Carlsen: "Eu acabo com esse frango, e ainda tenho tempo de voltar pra casa e terminar de assistir Braking Bad".


1. É muito difícil viver do jogo de xadrez. Antes de se tornar um profissional no xadrez você deve considerar todos os prós e contras. Existem apenas cerca de 1300 GM's no mundo. Sua classificação varia de cerca de 2500-2800 pontos de rating. Estes são considerados "jogadores de xadrez profissional", o que significa que passarão a maior parte de sua vida jogando xadrez. Peter Zhdanov de Pogonina.com publicou uma lista dos maiores faturamentos dos jogadores profissionais de xadrez em 2012, a partir do qual fica claro que apenas 2-3 jogadores fizeram mais de US$ 1.000.000,00 em 2012. O jogador número 10 fez cerca de US$ 150.000,00 no mesmo ano. Basta pensar nisso: o rating do jogador número 10 no mundo é de 2759 ELO. E aqueles que são 2500-2600? Quanto você acha que eles fazem? Você tem a idéia. A questão é simples, a menos que você esteja no top 100, não será fácil viver do xadrez...




Nenhum comentário:

Postar um comentário