smc

Pesquisar este blog

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

POR TRÁS DOS QUADRINHOS: CIRCE, A DEUSA VILÃ

Circe, a deusa!

CIRCE é uma das maiores antagonistas da princesa Diana, e também de todas as Amazonas. Esta deusa da magia, e vilã regular das histórias Mulher-Maravilha vem diretamente da Mitologia Grega.  
Sua primeira aparição foi em Mulher Maravilha #37 (1949), criada por Robert Kanigher e Harry G. Peter. Claro que a Circe, em suas primeiras histórias, era muito diferente de sua versão atual. 
A rivalidade entre ela e a Mulher-Maravilha tem histórias distintas. Numa das versões começou por conta da Rainha Hippolyta ter banido a feiticeira de seu reino. Noutra Circe temia uma profecia lançada por Hécate: "Sob a morte da bruxa e o nascimento da bruxa, Hécate, por nome e escolha, irá repossuir sua alma". Acontece que Hécate fazia parte do trio de deusas lunares juntamente com a deusa Diana (Ártemis) e a titânide Selene; Circe teria suposto  que a Mulher-Maravilha, por ter o nome de Diana, poderia tomar-lhe o poder. Desde então teria decidido perseguir a heroína.

Circe é uma deusa e uma poderosa feiticeira. Devido a sua divindade é imortal. Seus poderes são vastos: ela é capaz com sua magia de alterar a realidade, manipular a matéria, voar, absorver poderes, projetar seu plano astral em qualquer dimensão, mas é famosa por seu principal feitiço que transforma seres humanos em animais variados, lembrando muito o que a Circe da mitologia grega fez em A Odisseia.

Circe também possui um espelho mágico, o Espelho de Circe, que permite que qualquer pessoa que o olhe se transforme em outra pessoa. É considerado um objeto proibido pelos deuses do Olimpo. Circe também pode magicamente convocar, atrair e seduzir os homens apenas com melodias ou canções, semelhantes ao de uma sereia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário