Pesquisar este blog

smc

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Matanza - Pior Cenário Possível


"Nada muito bom, mas não posso reclamar. Cheguei muito mais longe do que pude imaginar."

O novo álbum do Matanza já está aí. A música que já havia sido liberada, "O Que Está Feito, Está Feito" foi uma boa palhinha do que ia vir. A banda entra naquela onda Motörhead e AC/DC de trazer mais daquele som deles que você já conhece. E é isso aí, não tem muita surpresa, você vai ouvir mais do Matanza por 35 minutos. O que diferencia mais é a temática das músicas. Diferentemente dos trabalhos passados, que de forma geral falavam sobre beber e... beber; com uma ou duas exceções, agora é praticamente um álbum de terror. A música já mencionada sobre o assassino condenado é o mesmo nível que fica todo o resto. A morbidez se mantém da primeira até a última faixa, dá pra ver pelos próprios títulos.


1-A Sua Assinatura
2-O Que Está Feito, Está Feito
3-Matadouro 18
4-Casa Em Frente Ao Cemitério
5-Sob a Mira
6-Pior Cenário Possível
7-O Pessimista
8-Chance Pro Azar
9-Orgulho e Cinismo
10-Conversa de Assassino Serial

Estão dizendo que eles fugiram do estilo country hard rock, mas eu não faço a mínima ideia do que seja isso. Acontece que eles não estão mais tocando tão rápido. É mais lento, o que combina com o clima de... "Pior Cenário Possível". Há nada mais despreocupado como "Ela Roubou Meu Caminhão". Não. O único outro fator além da morbidez é um humorzinho negro bem sacana como

"Peguei mais de 200 anos de detenção. Foi muito importante pra pensar na vida, mas eu não gostei da comida."

Eu particularmente não tô muito no clima pra ouvir uma sequência de 10 músicas assim. Mas isso vai de cada um. Eles sem dúvida continuam competentes e já começaram a turnê pelo Brasil, tendo passado em São Paulo no último final de semana. A voz do Jimmy me cansou um pouco com o passar de tantas canções no mesmo clima, não acho que ele tem uma voz tão marcante pra cantar músicas assim de "horror". Mas não é como se fossem mudar o vocalista agora por causa disso. Senti uma falta de emoção ou característica, mas tá mais pra uma observação do que uma crítica; parece que a ideia toda era isso mesmo. Ótimo pra você ouvir no Halloween que é daqui a pouco, no final do mês.

Curte Matanza?

Nenhum comentário:

Postar um comentário