smc

Pesquisar este blog

terça-feira, 5 de maio de 2015

TOP 7 -- HISTÓRIAS DE VILÕES, PARTE 02


Então, estou aqui, é com grande honra que escrevo para o blog Ozymandias Realista por conta de um convite dele para escrever uma parte 2 de seu post sobre as 7 melhores hqs de vilões  que ele havia escrito e que é um dos muitos posts dele que eu pessoalmente gosto bastante (crossover?).
Então vamos lá com 7 grandes histórias centradas não nos heróis com toda a sua moral e valores e sim nos vilões com toda a sua moral e valores que são considerados malignos...Ou não.

7-Pinguim-Dor e Preconceito-(Por Gregg Hurwitz e Szymon Kundranski)

"Os chefes sabem que não devem fazer contato visual. A garçonete sorri. Mas somente em sua boca. Os clientes...todos reverentes sorrisos falsos e apertos de mão mornos com as palmas úmidas"

Pinguim é provavelmente a história mais recente que eu coloquei aqui.Sendo parte dos novos 52(apesar de não vir com essa marca) Pinguim dor e preconceito é uma história que conta com o vilão mais odiado e amado do Batman,o Pinguim.A história foca no passado do vilão ao mesmo tempo que mostra um dos seus planos sendo bolados e o vilão se apaixonando por uma mulher cega(nota,o sentimento é mutuo),Por vezes na história o Batman parece ser o vilão e não o herói.
Tem gente que não gostou pelo fato de ser bem parecida e tentar transmitir a mesma mensagem da história do Pinguim em "Asilo do Coringa" porem de forma mais "enrolada", eu entendo as criticas mas acho que Pinguim dor e preconceito é tão bom quanto a história dele no Asilo do Coringa e consegue apesar das semelhanças ter diferenças como a observação do plano do Pinguim sendo estruturado e seu passado dês de criança.

Nota:7,4



6-As novas aventuras de Hitler (Por Grant Morrison e Steve Yeowell)

"Eu sou um visionario, Alois!E deixe-me dizer como dominar um país!
Primeiro:Enfraquecer e então destruir a influencia marxista dos sindicatos!
Segundo:Criar e manipular uma classe média saudável encorajando pequenos empresários e empresas particulares!
Terceiro:Controlar a mídia!É estritamente proibida a publicação de noticias que não condizem com o bem estar nacional!Além disso eu condenarei legalmente todas as  tendencias artísticas e literárias que intentem desintegrar nossa existência como nação!
Quarto:Autoridade politica inquestionável sobre o parlamento central sobre toda a organização do Reich!" 

Essa pode ser bem controversa. A simples menção ao ex- nazista é o bastante para deixar alguns desconfortáveis. Uma história focada nele então pode deixar alguns BEM desconfortáveis. Mas antes que me chamem de nazista quero que saibam que a história em momento algum fala bem de Hitler. Na verdade banaliza ele bastante.
Nessa história nós vemos Hitler com toda a sua loucura destacada, pirado. Eu não discordo de que Hitler talvez fosse meio louco, porém essa história o mostra ele tendo até alucinações: Hitler aqui é louco de pedra. A história é bem divertida, acompanhando Hitler em suas aventuras que não são tão novas assim (a história se passa no passado), ele pensa bastante sobre as coisas em volta e acompanhar esses pensamentos é provavelmente o ponto mais forte do gibi.
Morrison aqui criou momentos engraçados e/ou muito interessantes de se ler, minha unica critica a revista é o pouco destaque da inteligencia de Hitler, porque apesar de eu desprezar o alemão tanto quanto qualquer um que está lendo esse post devo admitir que o "Sr.Adolfo" era bastante inteligente e apesar de isso ser mostrado na hq é de maneira bem vaga

Nota:8,0


(LINK PARA DOWNLOAD EM BREVE--)

5-Batman-A maldição de Scarface-(por Alan Grant e Charlie Alard)

"Tu é um fracote Arnie!Só que a nossa aliança foi forjada no inferno!A gente vai ficar junto até virar defunto!"

Uma história protagonizada por mais um inimigo do Batman, nem de perto muito conhecido mas com certeza muito interessante. Para aqueles que não conhecem o vilão "Ventríloquo" é a identidade de gângster de um dos inimigos do Batman: Arnold Wesker. Ou não?
Na verdade Wesker não é o inimigo do Batman e sim seu boneco "Scarface". Arnold na verdade sofre de um problema de dupla personalidade sendo Scarface uma delas.
Nessa história Arnold como parte de sua terapia se livra de Scarface o queimando e um tempo depois é solto do Arkham sendo considerado "curado".
Arnold se torna então um "Ventríloquo" profissional e começa a fazer shows de comedia com sua nova boneca.
Porem Scarface acaba sendo "salvo" por dois homens que pensaram que era uma criança sendo queimada. Um dos homens acaba escorregando e morre, Scarface então vai parar no mar.A partir dai as coisas não vão bem nem para Wesker, nem para...qualquer um que entra em contato com Scarface. Wesker acaba zoando o infame Pinguim em um de seus shows, o mesmo Pinguim que acaba conseguindo a posse do boneco Scarface e o resto,só vai saber lendo. A história é ótima e merece ser verificada para quem conhece e não conhece o vilão.

Nota:8,2



4-Thanos rising (por Jason Aaron e Simone Bianchi)

"Uma vez a cada ciclo solar um visitante solitário vem a esse mundo silencioso e congelado para andar nas cinzas da cidade em que nasceu. A utopia que ele deixou em ruínas."

Thanos é uma das maiores ameaças ao universo Marvel, seu poder e intelecto são quase insuperáveis. Em termos de personagem, ele também não decepciona. Essa história conta a origem do Titã louco desde sua infância até se tornar o assassino em massa que todos conhecem.
O interessante da história é que vemos que Thanos era até inocente e propenso para o bem... ou quase. Tudo estava contra Thanos que apesar de tentar ser bom simplesmente não conseguia devido a sua condição e seus colegas de escola, família e outros habitantes de seu planeta.Tudo leva ele a se apaixonar pela unica que dá atenção a ele... Para quem conhece o personagem pode ficar meio obvio quem é, mas para quem não sabe muito sobre Thanos, a revelação da verdadeira natureza da menina deve ser impactante. Não ha muito o que falar da história, acho que é algo que deve ser lido mesmo se não vou acabar dando spoilers.

Nota:8,5


3-Asilo do Coringa (por diversos autores)

"Do jeito que o Duas Caras me contou a história me deu dois finais possíveis. Mas sei que você só gosta de um final. Então vamos deixá-lo interativo. Você vai decidir como termina a história. Quero que pegue uma moeda."

Essa é meio trapaça minha. Porque são varias pequenas histórias publicadas sobre o mesmo titulo "Asilo do Coringa". porem tecnicamente são uma história só então eu coloquei. São cerca de 10 histórias, cada uma protagonizada por um inimigo diferente do Batman e todas tem a narração do grandioso Coringa. Apenas a narrativa do Coringa já é algo que faz valer a pena dar uma conferida. E entre 10 histórias de diferentes personagens e diferentes autores, o impressionante é que todas são boas!
Claro que algumas são melhores do que outras mas todas são no minimo divertidas. Algumas partes fora da própria história são legais de ver (com o narrador é claro) como o Coringa acordando os outros residentes do Asilo Arkham, gritando no meio da noite. Entre todas eu gostaria de dar destaque as do Charada, Crocodilo Assassino, a já mencionada antes nesse post o Pinguim e a do Duas Caras.


Nota:8,7



2-Rei do Crime-Marginal-(por Bruce Jones e Sean Phillips)

"Comparado aos romanos, os cristãos estavam é claro, ridiculamente em menor número.Eles não tinham um exercito, uma liderança simbólica, eram pessimamente organizados e péssimos estrategistas. Mas os cristãos tinham algo que seus antagonistas romanos tinham perdido: Um Deus em quem acreditar. E esse simples e singular poder, a crença, provou ser mais poderoso que todos os exércitos e generais do poderoso Cesar. A mais incrível e inaplacável cidade da historia da humanidade, para onde todos os caminhos levavam, desmoronou e por fim desapareceu...e por que? Porque uma pequena facção tem um enorme potencial se adequadamente orientada. E até a mais robusta corrente, até as da republica romana, não é mais forte do que seu elo mais fraco..." 

Rei do Cirme marginal foi uma história que eu fui ler com o pensamento "deve ser legal mas nada de mais" e de fato o começo comprovava minha visão prévia. Porem com o tempo o nível da HQ foi subindo e no final foi uma leitura mais do que válida. A história narra como Wilson Fisk subiu no submundo do crime até se tornar o Rei, enquanto isso existem subtramas como uma mulher rica chamada Portia que pretende escrever um livro falando mal de seu ex marido (um dos candidatos a senador) e a investigação do Homem Aranha sobre o trafico de drogas. A história mostra Fisk não só como um gênio do crime mas como um gênio no geral, até filosofo o Rei mostra ser. Porem para se tornar o grande chefe do crime é necessário não só inteligencia, mas também força, que Fisk tem de sobra. É fazendo aliados nos lugares certos, manipulando pessoas em altas posições, criando armadilhas elaborados, tomando cuidado em cada movimento e espancando seus oponentes mais brutos que o Rei do Crime vai crescendo de forma extremamente rápida. Só acho que a história poderia ser melhor se fosse o Demolidor no lugar do Homem Aranha, só que mesmo assim a história continua ótima.

Nota:9,2



1-Odisseia cósmica (Jim Starlin e Mike Mingola)

"Não mais eu me limitaria a um planeta. Tudo que há sobre as estralas seria meu."

"Ué? Eu li Odisseia Cósmica e não é sobre nenhum vilão."
Não? Porque eu considero facilmente uma história do Darkseid! O vilão aparece desde o começo até o final e com certeza foi o grande destaque da história. Claro que os outros personagens tiveram seu destaque, mas nenhum deles teve tanto quanto o lorde de Apokolipse. E um protagonista não é justamente aquele que tem o maior destaque na história, aquele do qual a história gira em torno?

Então é uma história do Darkseid.

Odisseia cósmica é fantástica,com a aparição de vérios personagens diferentes da Dc,conflitos entre eles, e lutas que em vezes te fazem duvidar sobre a vitória dos heróis.E dica,ela é possível. Darkseid aqui tem tudo planejado com perfeição pouco tempo depois de se deparar com uma ameaça repentina e não só tem um plano para derrotar-la, mas como para tirar vantagem da situação. Mostrando o porque dele ser um dos maiores estrategistas da DC.

Nota:9,4


Eu sei que não sou o Ozy, mas dei o meu melhor.
Espero que tenha agradado.
Força e honra.

Notas minhas:

P.S: Fiquei muito contente e honrado do ANT (Que para quem ainda não sabe, é dono do MEGABLOG) ter aceito esse convite. Há muitos meses que eu sonhava com a sequencia desse post, mas precisava que alguém o fizesse, para enriquecer a lista com outra perspectiva, ao invés de virar uma repetição perpetua do meu estilo. O ANT pegou a missão e conseguiu ela em tempo hábil, demonstrando qualidade e versatilidade, competências raras nos dias de hoje. Deixo aqui o convite para ele postar sempre que quiser, colocar posts "antigos" do MEGABLOG aqui e tudo mais. Bem vindo a equipe, Sr. ANT, ou ao menos, ao inicio dela, haw haw;

P.S: Consegui encontrar tudo para download, menos a do Adolf Hitler. Eu tenho ela no meu computador, assim que possível, vou buscá-la e acrescentá-la.

Força e honra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário